Imprimir Canil Haras La Pampa
06/11/2017
Sobre a Qualidade do seu Filhote

Sobre a Qualidade do seu Filhote

Fique atento aos detalhes

Quando for comprar um filhote, seja de ACD ou qualquer outra raça, para não ter uma surpresa desagradável ao longo do tempo, confira os sequintes itens obrigatórios:


- o filhote precisa obrigatoriamente ter um pedigree (registro), e o criador deve lhe fornecer um comprovante desse registro ou o próprio pedigree emitido pela CBKC (Confederação Brasileira de Cinofilia), caso contrário não se trata de um cão de raça pura, e provavelmente seus ascendentes (pais e avós) não são conhecidos.


- ele necessariamente deve ter recebido ao menos uma dose da vacina "V10", que é o início da imunização do filhote, e o protegerá de várias doenças sérias e muito graves. Para estar seguro, não deixe de levá-lo ao veterinário para a aplicação das demais doses; o criador deve informar-lhe, obrigatoriamente, as datas em que essas vacinas deverão ser aplicadas.

- é de praxe vermifugar os filhotes aos 15, 30 e 45 dias do seu nascimento. Alguma variação de procedimentos pode ocorrer, mas a vermifugação, com produtos de qualidade, conforme o peso do filhote, é providência obrigatória para qualquer criador sério.

- tratando-se de cães que terão contato com ambientes públicos ou viverão em fazendas, sítios, etc. é fundamentalmente importante protegê-los contra "ectoparasitas" (carrapatos, pulgas, piolhos, etc.). Se o criador não lhe der nenhuma informação sobre essa proteção, questione, porque as doenças transmitidas, especialmente pelos carrapatos, ou são fatais ou deixam sequelas muito graves para a saúdo do animal.

- na maioria dos países é obrigatório "microchipar" os animais e cadastrá-los em sistemas de busca e identificação. Um canil efetivamente bem organizado e preocupado com a qualidade do seu trabalho deverá lhe fornecer um Certificado de Microchipagem indicando o número do chip que tiver sito implantado subcutaneamente no animal (a aplicação é indolor e não causa qualquer desconforto). Para alguns destinos internacionais você não conseguirá levar o seu cão se ele não tiver essa identificação (além de outros documentos sanitários).

- Não compre de canis clandestinos, os famosos "fundo de quintal". Exija Nota Fiscal! Também evite comprar um filhote em uma loja tipo petshop, procure um criador registrado e oficial da raça para ter a tranquilidade de levar para casa um animal saudável e contar com a garantia que qualquer empresa fornece aos consumidores de seus produtos.